Desempenho intelectual na exposição alcoólica fetal: relato de série de 10 casos

1. Verfasser:
Weitere Verfasser: ; ;
In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, 62(2013), 3, S. 234 - 239
Format: E-Article
Sprache: Unbestimmt
veröffentlicht: FapUNIFESP (SciELO)
Schlagworte:
ISSN: 0047-2085
Tags: Tag hinzufügen
Keine Tags, Fügen Sie den ersten Tag hinzu!
finc.format ElectronicArticle
finc.mega_collection FapUNIFESP (SciELO) (CrossRef)
finc.id ai-49-aHR0cDovL2R4LmRvaS5vcmcvMTAuMTU5MC9zMDA0Ny0yMDg1MjAxMzAwMDMwMDAwOA
finc.source_id 49
ris.type EJOUR
rft.atitle Desempenho intelectual na exposição alcoólica fetal: relato de série de 10 casos
rft.epage 239
rft.genre article
rft.issn 0047-2085
rft.issue 3
rft.jtitle Jornal Brasileiro de Psiquiatria
rft.tpages 6
rft.pages 234-239
rft.pub FapUNIFESP (SciELO)
rft.date 2013-09-01
x.date 2013-09-01T00:00:00Z
rft.spage 234
rft.volume 62
abstract <jats:p>OBJETIVO: Descrever o desempenho intelectual em uma amostra de crianças e adolescentes que sofreram exposição pré-natal ao álcool. MÉTODOS: Este estudo se constitui em uma série de casos, composta por 10 sujeitos entre 6 e 16 anos, com histórico de exposição alcoólica fetal. Esses sujeitos foram submetidos a uma avaliação médica para serem caracterizados como amostra clínica, respeitando critérios de inclusão e exclusão previamente estabelecidos. O desempenho intelectual da amostra foi estudado por meio dos instrumentos: Escala de Inteligência Wechsler para Criança (WISC-III) e Teste Matrizes Progressivas de Raven. RESULTADOS: A amostra foi caracterizada com desempenho médio inferior pela WISC-III. No Teste Raven, a amostra apresentou desempenho intelectualmente médio. Entre todos os índices da WISC-III, Resistência à Distração apresentou-se mais prejudicado. Os subtestes Aritmética e Arranjo de Figuras apresentaram resultados mais prejudicados comparados ao desempenho obtido nos outros subtestes. O prejuízo dessas funções pode trazer como consequência secundária e dificuldades no aprendizado e na interação social e impactar o desenvolvimento desses jovens. CONCLUSÕES: Os resultados encontrados nesta série de 10 casos foram comparados àqueles descritos em estudos nacionais e internacionais. O prejuízo cognitivo causado pelo uso do álcool na gestação pode se manifestar em crianças em idade escolar por meio da dificuldade de aprendizagem e da dificuldade de estabelecer interações sociais. Dessa forma, a exposição pré-natal ao álcool torna-se um problema de saúde pública, que precisa de maior atenção das políticas públicas nacionais para a realização de identificação e intervenção precoce.</jats:p>
authors Ferreira Vanessa Karam de Lima
Ferreira Gisele Viegas Dias
Lima José Mauro Bras de
Cruz Marcelo Santos
doi 10.1590/s0047-20852013000300008
languages und
url http://dx.doi.org/10.1590/s0047-20852013000300008
version 0.9
x.subjects Psychiatry and Mental health
x.type journal-article
x.oa 1